16 março, 2006

marítimo 1 - FCPORTO 2 (a.p.)

Apesar de desta vez ter ficado em casa, as minhas superstições não tiveram influência no resultado e o Porto lá foi ganhar à Madeira. Mesmo com Lucílio Baptista a apitar e isto sim é supreendente!
As televisões lá se esqueceram de transmitir o jogo e por isso só falo do que vi no resumo.

O Porto criou mais oportunidades e teve em McCarthy o matador que tanto precisa. Apesar do aparente controlo do jogo por parte dos dragões a partida teve que ir para prolongamento graças a um penalty mal assinalado pelo árbitro.
Nomear Lucílio Baptista para um jogo do Porto costuma dar nisto: amarelos a torto e a direito e um jogador mal expulso. Vá lá, já o vi fazer pior.

Enfim, a vitória pareceu-me mais do que justa e lá estaremos nas meias finais.

Nos restantes jogos, destaque para a derrota do boavista também muito influenciada pelo árbitro e para a vitória do guimarães em pleno estádio da luz por 0-1. O sporting venceu em Coimbra por 0-2.

O sorteio acabou de se realizar: Porto-sporting na próxima 4ª às 20.45 / setúbal-guimarães no dia seguinte. Aturar lagartos duas vezes num mês? Humpf!

3 comentários:

Adepto Fanático disse...

" Apesar do aparente controlo do jogo por parte dos dragões a partida teve que ir para prolongamento graças a um penalty mal assinalado pelo árbitro."

Isto é para rir ? E a mão do Pepe que ficou por marcar na área?
Acho piada não falares da arbitragem da Luz. Mas acaba por ser normal, dado que foi do nível que vem sendo habitual nos nossos jogos esta época.

Lasanha disse...

Catarina, encontrei isto no Vizinho, conheces? :S

http://photos1.blogger.com/blogger/2661/327/1600/SD-4.jpg

O Macaco a dar uma bonita imagem da claque...

*

Catarina disse...

Pensei que tinha sido clara ao dizer que não falo doutros clubes.
E quanto à mão, agora tudo é mão em Portugal mas tudo bem. Também me esqueci que anularam mal um golo ao Porto. Esta minha memória...

lasanha: sem comentários