09 fevereiro, 2006

benfica-Porto já mexe

De certeza que ninguém se esquece do episódio da época passada quando os dois clubes se meteram mais uma vez em discussões sem qualquer lógica ou benefício e que resultou na não cedência de bilhetes por parte do benfica. Se não fosse a "astúcia" das claques portistas tínhamos tido um clássico sem visitantes e, consequentemente, muito mais pobre.

Este ano, o FCPorto pediu mais de 3300 bilhetes para o clássico, encomendando assim o máximo estipulado nos regulamentos. Até agora não se adivinha qualquer entrave a este pedido, o que significa que os adeptos portistas vão estar em força na luz.

A questão que se impõe agora é a seguinte: como é que vão ser distribuídos os bilhetes?
Ora, tendo em conta o corte de relações com os Super Dragões, a claque terá provavelmente de se deslocar às bilheteiras do Dragão. Já o Colectivo terá também de fazer o mesmo ou terá direito a uma pequena percentagem das entradas? E se os ingressos forem adquiridos maioritariamente por adeptos "independentes" como é que vai ser feita a deslocação destes?
A polícia irá controlar as claques como sempre tem feito? Se sim, o que fazer com os restantes adeptos?
E os Super? Irão facilitar a deslocação a quem agora se esqueceu que é da claque?
Esperemos pelos próximos episódios.

1 comentário:

miki disse...

Apesar de todas as divergencias clubistas, espero qe a SAD encarnada seja sensata e facilite fornecendo os 3 mil a um preço razoável tal como vcs nos fizeram quando fomos ao dragão. e qe no fim, possamos sorrir outra vez :)