29 novembro, 2005

gil vicente 0 - FCPORTO 1

30 segundos bastaram para colocar o Porto em primeiro lugar. Não se faz, nem vi o golo...
Lucho marcou mais uma vez, depois de uma grande jogada de Quaresma.

O resto do jogo foi bastante interessante, com boas oportunidades de ambas as equipas. Mas a bola não voltou a entrar em nenhuma das balizas.

De assinalar o facto de ter ficado um penalti por marcar contra o Porto, por falta de César Peixoto sobre Carlitos ainda na primeira parte. Isto sim é um penalti... Enfim, não vou descer de nível.

Bem, gostava de destacar duas exibições. Pela positiva, a de Pepe. O rapaz surpreende-me de jogo para jogo. Está a jogar muito bem e quase (!) que já me sinto segura quando a bola está a menos de 5 metros dele. Pela negativa, a exibição de César Peixoto. Este até pode atacar mais ou menos bem e, afinal de contas, é noivo da Isabel Figueira. Mas não é preciso perceber muito de futebol para ver que basta aparecer um adversário mais perigoso (e atenção, eu estou a chamar perigoso ao Carlitos!) para se enterrar. Temos lá melhor, estamos à espera de quê?

Os adeptos portistas tiveram 5 estrelas. 90 minutos a levar os jogadores ao colo. Infelizmente, aqueles anormais que vestem a camisola que nós tanto amamos não o sabem reconhecer. Só Pedro Emanuel e Vítor Baía agradeceram no final. Mas deixem lá, nós sabemos com quem podemos contar.

E como, felizmente, os portistas não se dão a grandes euforias, a verdade é que o topo da classificação sabe a pouco. Porque não queremos ser campeões por demérito dos outros, queremos ganhar por sermos os melhores. E, para isso, ainda há muito a melhorar.

2 comentários:

Anónimo disse...

Levados ao colo . . . Este ano o título está entregue... o Co vai finalmente ganhar algo ao Koeman!

Daniel disse...

Há muito a melhorar sim senhora. A condição física dos jogadores do Benfica... Raisparta a gripe das águias...